3/2/19

Segura no putamerda e vai

Na vida todo mundo só faz curva, mas sempre querendo chegar em uma reta.

3 minutos de Insights

Imagina que a vida é uma curva. Uma não, milhares delas, e que cada curva é uma experiência ou uma vida inteira de outra pessoa. 

Na vida todo mundo só faz curva, mas sempre querendo chegar em uma reta

Podemos dizer que o nosso propósito é uma reta. Não importa quantas curvas você faça, você sempre pode chegar em uma determinada direção. Porém, você nunca sabe qual é a última curva, ou se vai bater forte nela.

Segura no putamerda e vai. Você vai encontrar retornos, curvas suaves e talvez, montanhas-russas pela frente. Dica: se essa curva for na descida, freia, para e pensa, tem um retorno logo alí (sempre tem). Mas se essa curva for na subida, ah ai sim, acelera Rubinho! Pisa fundo e vai, na direção curvada da sua reta (não leva a do Rubinho a sério, senão você vai ficar pra trás).

Esse mal de parkinson de Deus, eu chamo de vida. Ela escreve reto por curvas tortas, naturalmente

E isso é incrível, podemos aproveitar cada momento com muita motivação, porque nunca sabemos onde aquela curva pode nos levar. Afinal, só depois de traçar a reta no meio do caminho, saberemos quais curvas nos levaram mais perto do nosso propósito. Mas qual é o meu propósito? Esta é a grande questão e não vai ser eu, que nem te conheço, que vou saber. Mas vou deixar esta frase pra você refletir.

"Propósito se faz de propósito."

Ou seja, acredito que o propósito é algo que nós inventamos, não que foi presenteado a nós. Tem algo mais legal que isto? Imagina se nascessemos com um carimbo, escrito "seu propósito de vida". Alguns seriam "acabar com a fome na áfrica", e outros "coletar lixo para um mundo mais sustentável". Com certeza, alguém acharia o seu significado de vida injusto e então montariamos startups para trocar propósitos. Não é melhor assim? 

Cada um inventa a sua reta e acelera em direção a ela. E claro, com direito a trocar de reta ou dirigir em uma bifurcação.

Cuidado com algumas curvas, elas chegarão em uma outra reta. Na vida temos dois tipos de caminhos, o seu e o dos outros (profundo não?). Ou você pega o seu caminho, pegando embalo na curva dos outros ou você pega a curva dos outros e vai se arrepender de onde ter chegado. Pra resumir, temos pessoas trabalhando pelo seu próprio propósito de propósito e temos pessoas trabalhando pelo propósito dos outros. De que lado você está?

Claro, é muito dificil achar ou inventar um propósito. Só de pensar em ter que escolher uma coisa pra vida toda, já é paralisante. Então relaxa, tem um monte retorno por aí. Nenhum caminho percorrido será em vão e muitos serão um atalho para você ir mais longe

Você só vai saber disto depois de olhar pelo retrovisor, que tudo valeu a pena. Então, segura no putamerda e vai.

Web Designer e estudante de criatividade, curte questionar o mundo e analisar o comportamento de nós seres humanos. É fundador do projeto Pagebooks que entrega conteúdos fodas com uma apresentação impecável através do bom design.

VER TODOS OS POSTS
INSIGHTS CRIATIVOS

RECEBA minha falta de juizo no seu email

Wohoo! Fica de olho no e-mail que novos conteúdos serão lançados em breve.
Oops! Something went wrong while submitting the form.
SUAS INFORMAÇÕES ESTÃO SEGURAS